Endoscopia Digestiva Alta

Endoscopia Digestiva AltaA endoscopia digestiva alta é um exame normalmente pedido pelo médico gastroenterologista com o objetivo de observar possíveis alterações no esôfago, estômago e parte do duodeno dos pacientes. A endoscopia era um sonho de médicos e cientistas há mais de 200 anos e apenas nos anos 50 foi introduzida na prática médica. Os rápidos avanços tecnológicos trouxeram inovações incríveis para a endoscopia: endoscópios flexíveis e finos feitos de fibra óptica e microcâmeras capazes de gerar imagens de altíssima qualidade possibilitando um diagnóstico seguro para o médico e um melhor tratamento para o paciente.

Preparo

O preparo para realização da endoscopia é basicamente o jejum por cerca de 8 horas, incluindo água. Líquidos só devem ser ingeridos caso o médico tenha prescritos medicamentos para antes do exame, como por exemplo, anti-hipertensivos. Quanto aos medicamentos de uso contínuo, pode-se esperar até depois do procedimento para tomá-los. Caso o paciente seja diabético, o ideal é agendar a consulta o mais cedo possível e tomar a insulina ou hipoglicemiantes após a endoscopia e próximo à refeição. Será necessário informar a atendente se é a primeira vez que está fazendo o exame e se possui alergias ou qualquer outro tipo de reação a medicamentos.

AnestésicoPropofol

O anestésico utilizado por praticamente todos os profissionais para realização da endoscopia digestiva alta é o agente hipnótico e anestésico geral Propofol. É utilizado desde a década de 80 é um considerado um medicamento seguro e eficaz. Além de fazer o paciente dormir, o Propofol diminui a náusea, é calmante e anticonvulsivante. É aplicado diretamente na veia. A injeção dói um pouco (normalmente feita na parte de cima da mão) mas logo vem a sonolência e o paciente dorme .Possui poucos efeitos colaterais mas ainda sim deve ser aplicado e monitorizado por um médico anestesista. Após o exame, o paciente é acordado e fica em repouso entre 10 e 30 minutos, até que os efeitos principais do medicamento tenham acabado. Durante esse período, há um pouco de confusão mental e dificuldade de comunicação. Não é permitido dirigir ou consumir bebidas alcoólicas até o dia seguinte do exame.

O Exame

O endoscópio é colocado pela boca do paciente, passa pelo esôfago, chega ao estômago e vai até o início do duodeno, gerando imagens de alta resolução que depois poderão ser usadas para o diagnóstico de doenças, como por exemplo, a doença do refluxo.

Exame de Endoscopia Digestiva Alta

A Endoscopia Digestiva Alta tem duração média de 10 minutos, podendo durar um pouco mais caso haja necessidade de fazer biópsia (retirada de um pedacinho de tecido para análise) ou de pólipos (lesões elevadas) – procedimento denominado de polipectomia. Em qualquer dessas situações, não há dor!

A sensação, por experiência própria, é de piscar o olho e pronto! Está feito o exame.

Referências:

  • SOBED – Sociedade Brasileira de Endoscopia
  • SBA – Sociedade Brasileira de Anestesiologia


Atenção: o MedSimples é um site de caráter informativo e educativo, não substituindo, em nenhum momento (nem com os artigos, nem com as respostas de comentários) uma consulta médica, sendo esta primordial para se realizar um diagnóstico, tratamento e acompanhamento adequados de qualquer paciente.

12 Comentários

  1. Marilene Mascarenhas

    ***Acho que vou ter que fazer este exame, porem tenho muito medo pelo remédio que se aplica na veia. Tenho pressao alta controlada, faço uso de medicamentos como anti depressivos, rivotril e roypinol, e tambem arritimias (taquicardia) controlada por atenolol, que devo fazer? so DEUS na minha vida, obrigada.

  2. Rodolfo

    Olá, Drº Alexandre Zanlorenzi

    Gostei muito do site. É bastante sucinto.

    Gostaria de saber o seguinte: Tenho uma endoscopia com biópsia duodenal para realizar no dia 15 de Julho de 2014, ou seja, daqui 5 dias! Sobre a ingestão de líquidos, é necessário que se abstenhamos de tomar água durante as 8 horas?

    Obrigado pela atenção. Sucesso!

    • Alexandre Zanlorenzi
      Autor do Artigo

      Rodolfo, um pouco tarde pra responder pois imagino que você já tenha realizado a endoscopia, porém, segundo o consenso da SOBED, o jejum recomendado é de 6 a oito horas, incluindo líquidos. Um abraço e volte sempre.

    • Olá Clovis. Nesse caso, é importante conversar com o seu médico, especialmente se estiver drenando algum líquido pela ferida operatória ou pela região, pois pode ter surgido uma infecção associada ao seu pós-operatório. Boa sorte e espero ter ajudado!

  3. Dayse Galvão

    Bom dia.
    Irei fazer este exame amanhã , mas confesso que , estou apreensiva.

    Esta , será a 2° tentativa.

    Pois , o médico especificou que terá que será ser feito em ambiente hospitalar.

    Porquê?

    Tenho muitas dúvidas.

    • Olá Deyse. Pode ficar bastante tranquila: a Endoscopia é um exame praticado com bastante frequência e os médicos que realizam esse procedimento têm treinamento específico. Além disso, é um exame considerável simples e a incidência de complicações é baixíssima. É um exame realizado em ambiente hospitalar pois requer sedação. Boa sorte!

  4. Juliana Souza.

    Boa noite doutor, eu tenho um caseo grande na amígdala e já fui em dois médicos para tirar mas não deu certo porque tenho muita sensibilidade e muita ânsia, pra falar a verdade tenho pânico de vomitar!! Será que se recebesse esse medicamento utilizado para fazer endoscopia e dormisse daria para tirar o caseo (que está incomodando demais) sem sentir a forte ânsia que sinto? Isso procede?
    Aguardo sua resposta.

    • Olá, Juliana. O seu caso parece ser bastante específico. O grande problema de medicamentos como estes da Endoscopia só podem ser usados na presença de um anestesista. Seria interessante você realizar consulta com um Otorrinolaringologista, que melhor poderia avaliar o seu caso e tomar uma boa decisão. Espero ter lhe ajudado e boa sorte!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *